Integração entre cursos para a escrita da Carta de Intenções do VI Fórum de Sustentabilidade

22/09/2017

 

A penúltima noite do VI Fórum de Sustentabilidade teve como atividade a confecção da Carta de Intenções. O objetivo foi a comunidade acadêmica debater e expor suas ideias aos líderes regionais, esperando que as deliberações sejam aceitas e colocadas em prática. Apesar de já ser a carta de número seis, esta é a segunda participação dos alunos. Em sala de aula foi lido um texto sob orientação dos docentes e, posteriormente, os acadêmicos propuseram itens, levando as anotações ao final da noite para o encontro de delegados de cada turma. Dessa forma, eles fizeram a síntese das proposições apresentadas pelas turmas de seus respectivos cursos.

 

 

 

 

As questões motivadoras do debate visaram refletir qual a melhor forma de participar para um mundo mais sustentável e o que os alunos têm feito para melhorar o mundo. Também foi perguntado acerca da consciência que os alunos têm sobre suas ações para a sustentabilidade, e o que pode ser feito para um trabalho eficaz. Nove cursos da Unicruz participaram do debate e construção da carta.

 

 

 

Na fala da maioria dos alunos, ficou evidente a importância de uma maior conscientização da população, bem como incentivos do poder público para que esse trabalho seja feito. Ainda nessa questão, alunos de Direito sugeriram que após os trabalhos de conscientização, o poder público também coloque em prática um incentivo financeiro para a reutilização de resíduos, como o óleo de cozinha. Desta forma, compreendem ser importante também uma penalidade quando a proposta não for cumprida. A penalidade pode ser financeira, bem como obrigatório o plantio de árvores ou o dia de limpeza na praça.

 

 

 

Grande parte dos alunos também sugeriu que seja feita uma reforma política em outros municípios, com a intenção de incentivar a criação de projetos de coleta e separação do lixo. A ideia é trazer rendas para o município, economizando assim em outros setores. Se houver incentivo e alguém que faça a cobrança, a situação deve funcionar, na visão dos alunos.

 

Os alunos de Arquitetura e Urbanismo trouxeram a ideia de reutilização de entulhos de construção para a criação de outros materiais, bem como a priorização de uma ventilação cruzada, melhorando o ambiente e conforto térmico, diminuindo o uso de climatizadores e o gasto de energia. Falaram a respeito também do planejamento urbano, beneficiando pedestres e ciclistas, com a intenção de diminuir o uso de carros.

 

O curso de Administração propôs que as empresas tenham responsabilidade pelos resíduos que são produzidos, que seja imposta a necessidade de fazer o descarte correto. Sugeriram ainda que o poder econômico dê ouvidos às propostas sustentáveis.

 

A prática de reciclagem e da necessidade de sustentabilidade com trabalhos de coletas nas escolas foram sugestões dos alunos do curso de Ciências Contábeis. Em uma rápida explicação, os discentes falaram a respeito de criar um costume entre as crianças para que se tornem adultos preocupados com o sistema.

 

O curso de Jornalismo propôs que sejam mediados mais debates sobre o assunto por parte da mídia, pois quanto mais se propaga a questão, ela se torna importante. A divulgação também seria maior em projetos que visem a sustentabilidade como um todo, comunicando assim mais pessoas para engajá-las na necessidade de mudança.

 

Os alunos dos cursos de Engenharia Civil e Ambiental reforçaram a necessidade de conscientização e prática de ações sustentáveis, bem como um incentivo maior no projeto Profissão Catador. A última sugestão é a compreensão, por parte do município, de que a terceirização do recolhimento de lixo poderia ser reordenada, melhorando o incentivo ao projeto, deixando-o ainda mais estruturado. A diminuição no uso de agrotóxicos, fomentando a economia, não eximindo o governo de criar políticas de sustentabilidade, encerraram a fala dos futuros Engenheiros.

 

Os graduandos em Engenharia de Produção sugeriram seminários semestrais sobre sustentabilidade, realizados com a parceria de todos os cursos, apresentando sugestões e projetos que visem um futuro mais voltado para a sustentabilidade.

 

Os alunos também trouxeram, em sua maioria, a necessidade de melhorias na acessibilidade dos municípios, além de um estudo mais aprofundado antes de ser feita a colocação de rampas, pois em momentos anteriores as rampas foram colocadas em locais que não possibilitam o tráfego. Os trabalhos acadêmicos voltados às minorias sociais lembraram também a necessidade de extinguir as festividades em escolas de “dia dos pais” e “dia das mães”, criando assim o Dia da Família, que já está instituído.  Foram feitas também sugestões para as próximas edições do Fórum, onde além de atividades para os professores, sejam ministradas também para as crianças, que cresceriam compreendendo melhor o conceito de sustentabilidade.

 

Após todas as sugestões serem apresentadas, foi feita a leitura sintetizada do que foi dito durante a noite. A carta será escrita e apresentada no encerramento do Fórum a todos os alunos. Ela será entregue posteriormente às entidades e líderes para que as ações sejam analisadas e realizadas.

Please reload

Postagens em Destaque

Namastê! Palestra sobre conscientização e leitura da Carta de Intenções encerram Fórum

June 10, 2019

1/10
Please reload

Postagens Recentes
Please reload